sábado, 17 de março de 2012

Gaby Amarantos revela bastidores do encontro com Cláudia Abreu


Gaby foi inspiração para personagem de Cláudia Abreu | Foto: Divulgação


Essa dupla causou na festa da nova programação da Globo, em São Paulo. Cláudia Abreu e Gaby Amarantos cantaram ‘Ex Mai Love’, tema de abertura da próxima novela das sete ‘Cheias de Charme’, com Cláudia no papel da cantora de tecnobrega Chayene. As duas, que vão repetir o dueto no lançamento da trama, dia 30, na Feira de São Cristóvão, no Rio, contaram para ‘Olha Aí!’ como foi o primeiro encontro.

QUANDO VI O FIGURINO da Gaby, cheio de LED, pensei: “Meu Deus, o que vou usar agora?”. Gaby arrasa nas roupas e no palco. Foi uma delícia cantar ao vivo ao lado dela. Eu já tinha muitos discos do estilo brega, comprados nas temporadas de filmes que fiz no Nordeste: desde boleros de Altemar Dutra até Beto Barbosa. E, por conta da novela, conheci Calypso, Aviões do Forró, Calcinha Preta e muitos outros”, disse a atriz.
“EU ME SENTI NA BROADWAY tamanha produção daquele show. Fiquei muito honrada. Essa música ‘Ex Mai Love’ (é assim mesmo que escreve), é de Veloso Dias, um vendedor de churrasquinho, de Belém, que também toca em bar. Quando ouvi, decidi gravar na hora.
Mandei para o Nelson Motta (produtor musical) e ele disse: ‘Gaby, nem o Waldick Soriano fez uma pérola dessa. É o suprassumo do brega’”, revelou a cantora.

“SOU FÃ DA CLÁUDIA desde ‘Barriga de Aluguel’ (1990). Ensaiamos um dia antes da apresentação e ela canta mesmo, é superafinada. Me disse que a letra é um chiclete e não saiu mais da cabeça dela. É uma atriz aplicada, me pediu várias dicas e foi bem gentil comigo”.
“NUNCA IMAGINEI que pudesse tocar na abertura de uma novela. É sensacional. Acho que é o mais longe que um artista pode chegar, ter a sua música todos os dias na casa das pessoas. Estou muito feliz”.
“A DENISE SARACENI (diretora) disse que tem uma cena pra mim. Vou amar participar da novela. Se eu não fosse cantora, seria atriz”.
“SOU NOVELEIRA, meu figurino é inspirado em Maria do Carmo (Regina Duarte) de ‘Rainha da Sucata’”.
“UMA CANTORA DE TECNOBREGA tem que ter muita coragem e não ter vergonha do que é. Esse é o meu diferencial até no Pará, onde eles não gostam desse termo. Reconheço o movimento brega, que para mim é muito especial”.
“EU ME ACHO SEXY, gostosa, linda. Me amo do jeito que sou. Faria um ensaio sensual, porque represento bem a mulher brasileira. Só não posaria nua. Não é a minha”, avisou Gaby, que lança seu novo CD, ‘Treme’, no dia 12 de abril. 


Fonte: ig

Sem comentários:

Enviar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...